MANTER A PISCINA LIMPA POR MAIS TEMPO

Ter uma piscina em casa é um privilégio que traz muita alegria e benefícios. São diversas possibilidades de lazer para se refrescar com a família e amigos nos dias de sol e calor. Além de proporcionar a prática de exercícios físicos e melhora da qualidade de vida. Porém, para desfrutar totalmente dessas vantagens, é necessário se preocupar em como manter uma piscina limpa.

A qualidade e higiene da água devem ser asseguradas para garantir o bem-estar de quem mergulha. Pensando nisso, o post de hoje vai mostrar algumas dicas sobre como manter uma piscina limpa por mais tempo. Vamos conferir?

O tratamento físico da piscina

Tratamento físico é a parte do processo onde a sujeira visível (folhas, poeiras, areia, etc) é removida, sem adição de produtos químicos. Trata-se de retirar pequenos lixos, aspirar e filtrar. Para realizar essa etapa o proprietário precisar ter alguns acessórios essenciais: uma peneira de superfície, escova, aspirador e filtro.

Passo a passo da higienização física

A limpeza deve começar pela escovação das paredes e bordas da piscina sempre que estiverem escurecidas.
Hora de utilizar a peneira para limpar a superfície da água. Retire as folhas, insetos e demais sujeiras que possam cair no local. Esse processo é muito importante, pois esse tipo de sujeira pode entupir o filtro e até mesmo atrapalhar a ação do cloro.
Depois de retirados os resíduos maiores, é o momento de continuar a limpeza utilizando o aspirador para sugar detritos que a peneira não consegue reter. Esse aparelho também vai remover a sujeira acumulada no fundo.
O último passo é ligar o filtro. Nele, a água passa por um reservatório com uma areia especial que retém as impurezas que restaram na água após a limpeza com os passos anteriores. O equipamento necessita de algumas horas para agir, e o período correto é indicado por cada fabricante e deve ser respeitado.
Recomenda-se que o tratamento de higienização física seja realizado de uma a duas vezes por semana, para garantir a boa manutenção da piscina.

Como manter uma piscina limpa com tratamento químico

É preciso, ainda, fazer o tratamento químico, que consiste em aplicar produtos que reagem com a água. A limpeza física retira a sujeira, mas só aplicando os produtos necessários é possível matar bactérias e outros micro-organismos, garantindo que a água não desenvolva odores ruins, bactérias, fungos e transmita doenças.

Passo a passo do tratar quimicamente a água

O primeiro passo é avaliar a alcalinidade e o pH da água: medida do potencial hidrogeniônico, que indica se o a água está muito ácida ou alcalina. O nível ideal de pH é de 7.0 a 7.4 e pode ser medido utilizando um estojo de testes ou uma fita teste. Se a água estiver ácida, adicione o produto hth® Elevador de pH, composto por carbonato de sódio. Se estiver alcalina, aplique o Redutor de alcalinidade e pH, que diminui o pH.
Feito o procedimento acima, é o momento de aplicar o algicida. O produto serve para combater a proliferação de algas verdes ou azuis, que provocam uma coloração escura e sujeira na piscina. Deve ser colocado na quantidade de 5 a 7ml para cada 1000 litros de água, uma vez por semana.
Por último, é necessária a aplicação do Cloro. É ele que mantém a água saudável, mata bactérias e outros microrganismos que podem causar doenças, como a micose, por exemplo. A dosagem recomendada do cloro para manutenção é de 4 gramar por mil litros de água, dia sim dia não, de preferência no final da tarde.
Outras dicas

Durante o inverno, não esvazie a piscina, pois prejudica a durabilidade do seu revestimento que fica exposto ao ressecamento e desperdiça muita água. Procure também cobrir a piscina com uma capa toda vez em que ela for ficar sem uso por muito tempo, isso ajuda a mantê-la limpa.

Por meio dessas dicas sobre como manter uma piscina limpa, você vai aproveitar de forma muito mais prazerosa e saudável os benefícios de ter essa maravilha em casa para sua família.